Fale conosco pelo WhatsApp

Lipoaspiração a Laser

A técnica elimina gordura localizada e melhora o contorno corporal sem o efeito colateral da flacidez

Mulher virada de costas e medindo circunferência da barriga
Imagem: Shutterstock

A lipoaspiração é um procedimento cirúrgico indicado para quem quer perder gordura e melhorar o contorno corporal. Com os anos, o procedimento foi se modernizando e novas técnicas foram sendo desenvolvidas. Isso fez com que a cirurgia ficasse mais segura e o processo de recuperação mais rápido. Uma das técnicas mais conhecidas é a lipoaspiração a laser, chamada também de lipo a laser.

O que é a lipoaspiração a laser?

A técnica de lipoaspiração a laser é considerada a evolução da lipo tradicional. Nela, o médico faz uso de uma cânula bem fina que contém um feixe de laser na ponta, que quebrará as células de gordura, deixando o tecido adiposo com uma consistência oleosa para só depois aspirá-lo.

Assim como a lipoaspiração comum, a lipoaspiração a laser é indicada para pessoas que desejam remover depósitos de gordura que não conseguem eliminar através de atividades físicas ou alimentação balanceada.

O ideal, para quem quer se submeter à lipoaspiração a laser, é estar dentro de um peso saudável, pois o procedimento não objetiva o emagrecimento, mas apenas melhorar o contorno corporal.

Além disso, a lipoaspiração a laser não é um procedimento recomendado para pessoas com excesso de pele solta (como, por exemplo, pacientes que se submeteram à cirurgia bariátrica) e com estrias. Nesses casos, o mais adequado é associar uma cirurgia plástica de retirada do excesso de pele. 

Como é feita a lipo a laser?

A lipoaspiração a laser pode ser feita com anestesia local, peridural ou geral e dura entre três e quatro horas. O tipo de anestesia depende da extensão da cirurgia e da região que será tratada.

A primeira etapa da cirurgia consiste na infiltração de uma solução anestésica contendo adrenalina na região que será lipoaspirada. A função da solução é diminuir o sangramento, reduzir a dor pós-operatória e facilitar a ação do laser.

Em seguida, com o auxílio de uma fibra com menos de 1 mm de diâmetro, o médico aplica o laser na região a ser lipoaspirada. O tempo de aplicação e a intensidade da energia liberada variam de região para região. O laser irá provocar a chamada lipólise, que é a destruição da gordura.

Como o tecido adiposo adquire consistência oleosa, ele é facilmente aspirado com o auxílio de uma cânula, que na lipoaspiração a laser é bem mais fina do que a usada na lipo tradicional, causando menos traumas no local.

O resíduo desta liquefação da gordura que as cânulas não conseguiram remover, o próprio organismo se encarrega de eliminar gradativamente.

A lipoaspiração a laser pode ser feita em qualquer parte do corpo em que haja gordura localizada. As regiões mais comuns são:

  • Abdômen;
  • Costas;
  • Braços;
  • Papada;
  • Flancos;
  • Glúteos;
  • Lateral das mamas.

Vantagens da lipoaspiração a laser

  • Evitar grande perda de sangue durante o procedimento, pois o laser exerce um efeito coagulador. Em contato com os pequenos vasos sanguíneos da região a ser tratada, ele impede o sangramento excessivo;
  • Menos dor no pós-operatório;
  • Menos inchaço e hematomas;
  • Menor tempo de recuperação.

Além disso, há acentuada retração tecidual, tanto imediata como tardia, pelo estímulo à produção de novas fibras de colágeno, o que diminui a flacidez.

Quais os cuidados no pré-operatório da lipoaspiração a laser? 

O pré-operatório da lipoaspiração a laser é semelhante ao de qualquer outro tipo de procedimento cirúrgico. Envolve uma avaliação criteriosa em que o especialista analisa aspectos anatômicos do paciente e demais características que podem influenciar na intervenção.

Além disso, a preparação cirúrgica demanda a realização de exames específicos para averiguar a presença de enfermidades ou alterações que podem atrapalhar a recuperação do paciente.

Os principais exames solicitados são:

  • Hemograma completo;
  • Coagulograma;
  • Cardiológicos.

Pessoas que fazem uso regular de alguma medicação devem comunicar o cirurgião plástico sobre a necessidade de interromper o uso ou fazer algum ajuste antes do procedimento.

Cuidados no pós-operatório da lipoaspiração a laser

Os cuidados após a cirurgia de lipoaspiração a laser são essenciais para que os resultados obtidos estejam dentro do esperado e que a recuperação ocorra de maneira tranquila e segura.

Apesar de as chances de complicação na lipo a laser serem mínimas, uma vez que o procedimento é mesmo invasivo, o paciente deve, após o procedimento, permanecer em observação por pelo menos 12 horas antes de receber alta.

Depois de liberado, é imprescindível seguir as recomendações médicas.

Entre os principais cuidados que são necessários ao longo do período de recuperação pós-cirúrgica da lipo a laser pode-se destacar:

  • Tomar a medicação prescrita pela equipe cirúrgica, como analgésicos e antibióticos, para prevenir infecções;
  • Evitar tomar sol enquanto permanecerem os inchaços e as manchas arroxeadas, pois isso pode provocar manchas na pele caso tenham incidência direta dos raios solares;
  • Não praticar atividades físicas por cerca de um mês depois do procedimento. Além disso, os exercícios só devem ser retomados depois de liberação médica. Porém, é recomendado fazer pequenas caminhadas uma semana após a lipoaspiração a laser;
  • Fazer repouso conforme orientado pelo especialista – em geral, cerca de três a cinco dias;
  • Retomar as atividades de rotina somente 15 dias após o procedimento, dependendo do processo de recuperação;
  • Utilizar cinta elástica por, no mínimo, 45 dias;
  • Optar por uma alimentação leve nos primeiros dias, com bastante ingestão de água;
  • Cuidar do local operado, sempre seguindo a orientação fornecida pelo cirurgião e sua equipe;
  • Comparecer às consultas de retorno. 

Resultado da lipoaspiração a laser 

O resultado completo do procedimento pode ser visto seis meses depois do pós-operatório. No entanto, após três semanas já é possível observar algumas mudanças na área tratada.

Riscos da lipoaspiração a laser 

Assim como ocorre com todo procedimento cirúrgico, a lipo a laser também tem riscos. Os principais são queimaduras na pele, infecção, sangramento e hematomas.

Qualquer tipo de intercorrência deve ser informado ao médico, que tomará as providências devidas.

Porém, para diminuir as chances de esses riscos ocorrerem, a lipoaspiração a laser deve ser realizada por um cirurgião plástico reconhecido pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, em ambiente hospitalar, com equipamentos adequados e sob o mais alto padrão de assepsia.

Busque informações sobre o profissional, converse com pacientes que realizaram o procedimento e tire todas as suas dúvidas antes de optar pela realização da lipoaspiração a laser.  

Fontes:

Revista Brasileira de Cirurgia Plástica;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica;

Clínica Clincer.

 

QUEM TEM UMA
BOA IMAGEM
TEM TUDO.

Entre em contato
conosco e agende
sua consulta

Atendimento pelo WhatsApp

Fale conosco pelo WhatsApp (11) 99318-1644